Zé Moleza | TCC, monografias e trabalhos feitos. Pesquise já!

Você está em Trabalhos Acadêmicos > Sociais Aplicadas > Letras

Favoritos Seus trabalhos favoritos: 0

Trabalho em Destaque

Título: Teorias de Taylor, Ford, Fayol e Weber

Teorias de Taylor, Ford, Fayol e Weber, aplicadas na Empresa Bradesco S/A. São Paulo 2009 Sumário 1Introdução 2Frederick Winslow Taylor4 2.1Princípios de Taylor 3Henry Ford 4Jules Henri Fayol 4.1Princípios Básicos 4.2Funções Administrativas 5Maximillian Carl Emil Weber 5.1Analise da Obra 5.2Princípios…


Publicidade



Publicidade

Monografia: A Importância da Família na Escola

Trabalho enviado por: Eliezer de Jesus Vieira

Data: 25/09/2009

Monografia: A Importância da Família na Escola

Faculdades Integradas Módulo
2004

 

 

 

Resumo

Essa pesquisa foi baseada em estudos sobre a importância da família na escola. A obra está dividida em três capítulos; o primeiro: Histórico da Família, apresenta a origem e o conceito de família, sua evolução e espécies; o segundo: A participação dos pais na escola, esclarece como efetivamente ocorre esta participação, abordando todos os instrumentos oficiais que são utilizados com este objetivo (MEC, Estatuto da Criança e do Adolescente, Constituição Federal, Conselho de Escola, Associação de Pais e Mestres, etc); o terceiro: O trabalho com as famílias, tem por objetivo fornecer estratégias e medidas visando integrar a família na escola, enfatizando a forma como deve ser executado o trabalho de integração. Todos os capítulos apresentam formas de integração que têm por objetivo proporcionar abertura para que os pais se tornem atuantes dentro da escola.

Sendo assim, a obra conclui que a família é pilar mestre do processo de aprendizagem que em ação conjunta com a escola leva o educando a superar seus problemas e ter sucesso em sua formação. Esta obra apresenta as inovações trazidas pela Constituição Federal brasileira de 1988 que garante, entre outros, o direito a uma educação com qualidade.

 

Sumário

Introdução
1. Histórico da família
2. A Participação dos Pais na Escola
3. O Trabalho com as Famílias
Conclusão
Referências Bibliográficas



Introdução

Este trabalho é o resultado de leitura e pesquisa que ampliam o caminho que leva a interação escola – família.

Muito oportuna e feliz foi á escolha do tema “A importância da família na escola” pois, não se é cidadão, na plenitude desta palavra, sem um mínimo de consciência. E, a escola, somente atingirá seu objetivo de educar, conhecendo a vida e os problemas de seus alunos. O aprendizado depende do conhecimento da vida de cada um para que possa ser adequado a cada realidade. Por isso, a escolha deste tema favorece e complementa o trabalho realizado na escola com as crianças, na medida que possibilita conhecer a comunidade, seus contextos de vida, os costumes e valores culturais de suas famílias, e as diferenças ou semelhanças existentes entre elas.

Temos, assim, uma obra redigida em linguagem simples desenvolvida em 03 capítulos: Capítulo 1 – Histórico da família – relata a evolução de seu conceito, suas espécies, o tratamento dado pela Constituição Federal e pelo Estatuto da Criança e do Adolescente, etc; Capítulo 2 – A participação dos pais na escola – traz sugestões, estratégias, medidas e mecanismos atuais que visam à participação da família na escola, apresenta determinações do MEC, funcionamento participativo do Conselho de Escola e APM; Capítulo 3 – O trabalho com as famílias – descreve como deve ser desenvolvido o trabalho com as famílias, abrange aquilo que deve e aquilo que não deve ser aplicado para alcançar qualidade de ensino, oferecendo também sugestões e estratégias para o desenvolvimento do trabalho com as famílias.

A escola precisa proporcionar caminhos para que flua o processo de aprendizagem, o acompanhamento da família somente nos deveres de casa, é coisa do passado, o intercâmbio escola – família atual exige uma maior integração participativa da família na escola, resultando num melhor conhecimento das crianças e, portanto numa maior qualidade para o trabalho pedagógico.

Sendo assim, o conhecimento, o relacionamento franco e a participação das famílias das crianças na vida da escola são componentes fundamentais para uma educação democrática.

Como diz o psiquiatra Içami Tiba: “A família é o melhor meio para se criar um cidadão”.

Deste modo, a escola e a família são os parceiros ideais para o processo educativo.

 

1. Histórico da Família

De acordo com Ubirajara Nascimento o conceito histórico da família vem desde o homem primitivo, onde os indivíduos eram obrigados a se agruparem para se esconder do frio, dos inimigos predadores e para procriar o grupo. Quando a união entre estes indivíduos foi aumentando, foram se dividindo os núcleos por raças e línguas. Foi daí que surgiu a família, das necessidades básicas de sobrevivência, que se originou de um fenômeno biológico de conservação e procriação, depois transforma -se em fenômeno social.

Com o passar do tempo a sobrevivência começa a ter sua modificação, não bastava você ser importante só na sua família, mas sim na sua comunidade, na sociedade, é uma questão de identidade.

No Brasil a família vem passando por muitas mudanças, no período colonial a família era tradicional, o marido detinha todo o poder e todos os direitos, a mulher era totalmente submissa ao homem, os filhos ao nascerem dificilmente experimentavam o sabor do aconchego e da proteção materna, pois eram cuidados e amamentados pelas mães de leite.

Com a industrialização ocorreram várias mudanças, a família sofreu considerável evolução. Nos últimos anos houveram muitas mudanças no plano sócio...

Para ver o trabalho na íntegra escolha uma das opções abaixo

Ou faça login



Crie seu cadastro




English Town