Zé Moleza | TCC, monografias e trabalhos feitos. Pesquise já!

Você está em Trabalhos Acadêmicos > Humanas > Contabilidade

Favoritos Seus trabalhos favoritos: 0

Trabalho em Destaque

Título: Expressionismos: Visão da Realidade: O poder expressionista da fotografia estética e em movimento

TIDIR – Expressionismos: Visões da Realidade: O poder expressionista da fotografia estática e em movimento Belo Horizonte 2009 Proposta Partiremos de duas proposições, sendo a primeira a de que, desde o início do cinema, a intensidade de imagens que diferenciam…


Publicidade



Publicidade

Método de Custos ABC

Trabalho enviado por: Silvia Helena Cornelio Coser

Data: 18/08/2005

Custeio de Atividades ABC


INTRODUÇÃO

O método de Custeio de Atividades, ABC é um elemento muito importante na gestão por atividades, pois tem uma capacidade de medir o consumo de atividades por produtos em nível de unidades, lotes grandes ou pequenos, projeto do produto e utilização dos recursos gerais da fabrica, tornando as operações mais eficientes e a empresa mais competitiva em longo prazo. Uma outra contribuição é a sua extensão em outras funções tais como nas atividades comerciais e nos sistemas de serviços.

As empresas vêm se interessando por esse método devido a sua preocupação com a competitividade global.

O Método ABC não é mais um sistema de acumulação de custos para fins contábeis em substituição aos que já existem, esse método não exclui o outro, ou seja, eles se complementam.

O Modelo baseado em atividades (ABC) também é conhecido como (ABM) focused management, porque permite aos gestores a visão focalizada dos problemas que ocorrem em nível operacional, relacionados com a criação de valor para os clientes, e dos que ocorrem em nível de decisões de natureza econômica, relacionados com a otimização de retorno para os investidores.

Custo ABC

O custeio por atividade (Activity-Based Costing - ABC) surgiu nos Estados Unidos há alguns anos, foi do pelos professores Robert Kaplan e Robin Cooper, da Harvard Business School, com o objetivo principal de aprimorar a alocação dos custos e despesas indiretos fixos (overhead) aos produtos.

O custeio Baseado em Atividades é conhecido como ABC, por ser um método de custeio que procura reduzir sensivelmente as distorções provocadas pelo rateio arbitrário dos custos indiretos.

O ABC pode ser utilizado também, aos custos diretos, principalmente à mão de obra direta, mas não haverá neste caso diferenças significativas em relação aos "sistemas tradicionais". A diferença fundamental está no tratamento dado aos custos indiretos.

Com o avanço tecnológico e a crescente complexidade dos sistemas de produção, em muitas industrias os custos indiretos, vem aumentando continuamente, tanto em valores absolutos quanto em termos relativos, comparativamente aos custos diretos (destes, o item Mão-de-Obra Direta é o que mais vem decrescendo).

Outro fenômeno importante a exigir melhor alocação dos custos indiretos é a grande diversidade de produtos e modelos fabricados na mesma planta que vem ocorrendo nos últimos tempos, principalmente em alguns setores industriais.

Daí a importância de um tratamento adequado na alocação dos CIF aos produtos, pois os mesmos graus de arbitrariedade e de subjetividade eventualmente tolerados no passado podem provocar hoje enormes distorções. Essas dependerão dos dois fatores citados: proporção de custos no total e diversificação das linhas de produto.

A utilização do ABC pode também oferecer subsídios para que se atenda as exigências legais com o mínimo de arbitrariedade no tratamento dos custos indiretos.

Porem a utilidade do Custeio Baseado em Atividades (ABC) não se limita ao custeio de produtos. Ele é acima de tudo uma poderosa ferramenta a ser utilizada na gestão de custos.

Uma atividade é uma combinação de recursos humanos, materiais, tecnológicos e financeiros para se produzirem bens e serviços. È composta por um conjunto de tarefas necessárias ao seu desempenho. As atividades são necessárias para a concretização de um processo, que é uma cadeia de atividades correlatas, inter-relacionadas.

Num departamento são executadas atividades homogêneas. Assim, o primeiro passo para o custeio ABC, é identificar as atividades relevantes dentro de cada departamento. Neste ponto, pode ocorrer de a empresa já possuir uma estrutura contábil que faça a apropriação de custos por Centro de Custos, por centro de...

Para ver o trabalho na íntegra escolha uma das opções abaixo

Ou faça login



Crie seu cadastro




English Town