Zé Moleza | TCC, monografias e trabalhos feitos. Pesquise já!

Você está em Trabalhos Acadêmicos > Humanas > Administração

Favoritos Seus trabalhos favoritos: 0

Trabalho em Destaque

Título: História da Fotografia

HISTÓRIA DA FOTOGRAFIA   Imagem e Cognição Desde os primórdios da humanidade a imagem vem sendo utilizada como meio de expressão da realidade, como temos relatos científicos das pinturas rupestres ainda em tempos pré-históricos. No entanto, sua evolução foi bem…


Publicidade



Publicidade

PCP – Planejamento e Controle da Produção

Trabalho enviado por: Marcelo Cristóvão de Souza

Data: 29/07/2003

VISÃO GERAL DOS SISTEMAS DE PRODUÇÃO


INTRODUÇÃO

O autor nos mostra que na década de 90 entramos em uma estrutura econômica mundial globalizada; hoje em dia a administração participativa é fundamental para uma boa saúde das empresas, existindo a necessidade do envolvimento da mão de obra para implantação de novas técnicas produtivas, aumento de vendas, diluição de custos fixos, deixando de lado decisões localizadas por intercambio de informações e globalização de produtos e consumidores, pois, aquelas empresas que não se adaptarem a estas novas estruturas com certeza sairão do mercado.

FUNÇÕES DOS SISTEMAS DE PRODUÇÃO

Para atingir seus objetivos os sistemas de Produção deverão exercer várias funções operacionais que são desempenhadas por pessoas desde a obtenção do projeto, controle de estoques, recrutamento e treinamento de funcionários, ate a obtenção de recursos financeiros e a venda de um bem ou serviço.

Esse sistema produtivo é composto por três funções básicas que é financeira, Produção e Marketing e Finanças. Convencionalmente as funções desempenhadas passam por uma esfera sua autoridade fazendo com que pontos de contato no sistema, travem ou falhem sempre que suas decisões passem de suas esferas de ação; citando como exemplo o sistema de Marketing exercendo suas funções sem saber se o sistema de Produção esta estabelecida para cumprir a mesma meta.

Atualmente, essa barreira tem que ser quebradas tomando lugar o compartilhamento de informações e tomadas de decisões para um desempenho eficiente cedendo lugar a uma estrutura aberta.

PRODUÇÃO

A função produção consiste nas atividades relacionadas à produção de bens ou serviços, não compreendendo porem somente as atividades de fabricação ou montagem de bens, mas também na armazenagem, movimentação, entretenimentos e alugueis quando voltadas à área de serviços, através de processos organizados.

MARKETING

A função Marketing esta encarregada de vender ou promover Bens ou serviços produzidos por uma empresa, tomando decisões estratégicas de publicidade e estimativa de preços contatando clientes e sentindo o mercado, visando abastecer a produção com informações sobre a demanda de produtos, permitindo um planejamento e programação da produção, ou ainda, a criação de novos produtos.

Segundo o que o autor nos mostra, Marketing tem duas funções básicas importantes: a primeira e estabilizar a demanda pelos Bens e Serviços solicitados pelos clientes e a outra, é um envolvimento dos clientes na otimização do projeto e produção de Bens e serviços.

FINANÇAS

Tradicionalmente, a função Finanças, esta encarregada de administrar os recursos financeiros da empresa e aloca-los onde for necessários como, por exemplo, no sistema de produção, onde deve providenciar o orçamento e acompanhamento.

FUNÇÕES DE SUPORTE

São utilizados no PCP como suporte aos sistemas de produção de Marketing e Finanças cumprindo cada uma papel importante fornecendo dados seja de natureza técnica, seja servindo o sistema produtivo (Engenharia) com matérias primas, componentes etc. (compras e Suprimento), recrutando pessoal ou mantendo bom funcionamento de equipamentos e instalações (RH e Manutenção) respectivamente.

PCP – PLANEJAMENTO E CONTROLE DE PRODUÇÃO

Em um sistema produtivo para se alcançar metas e consolidar estratégias, é necessário formular planos, administrar recursos humanos, direcionar estes recursos acompanhando a ação e por fim, corrigir alguns desvios; essas atividades são desenvolvidas pelo planejamento de controle de produção; também são exercidas através de níveis hierárquicos no sistema de produção que são: PEP (Planejamento Estratégico de Produção), PMP (Planejamento Mestre de Produção), PP (Planejamento de Produção), ACP (Acompanhamento e Controle da Produção).

Planejamento Estratégico de Produção – Consiste em estabelecer um plano para a produção de longo prazo de acordo com as estimativas de vendas recursos financeiros e produtos.

Planejamento Mestre de Produção – Consiste em estabelecer um plano mestre para a produção em médio prazo com base nas previsões de vendas para que o PMP especifique itens e corrija alguns problemas (gargalos), que possam inviabilizar o plano quando for executado em curto prazo.

Programação de Produção – Estabelece a curto prazo quando e como comprar ou mandar cada item necessário para composição de produtos finais através dos registros de controle de estoques .

Acompanhamento e Controle da Produção – é realizada através da coleta de dados e análise , visando que o Programa de Produção seja executado a contento ; hoje em dia com a tecnologia da informática e utilizando a filosofia Just-in-Time ficou fácil acompanhar todo este sistema apontando de forma imediata todos os problemas que ocorram.

CLASSIFICAÇÃO DO SISTEMA DE PRODUÇAO

Dentre várias formas de classificar os sistema de produção treis são de suma importância neste processo , que são por grau de padronização de produtos onde existem os produtos padronizados produzidos em grande escala , admitindo métodos de trabalho e controles eficientes proporcionando redução de custos por exemplo : eletrodomésticos, automóveis etc.; produtos sob medida - destinados a clientes específicos tendo como características estoque unitário , sistemas com capacidade ociosidade trabalho tornando os produtos mais caros ; por tipo de operações – classificados por grupos de processos contínuos ou discretos associados a padronização e ao volume de produção fornecendo automação (processo) sem uma flexibilidade no sistema (contínuo) .Já nos processos repetitivos , temos em massa empregados para a produção em grande escala com mão de obra pouco polivalente e os processos repetitivos em lote , traduzindo um volume médio de bens e serviços padronizados em lote podendo ser um sistema flexível; e com uma mão e obra polivalente atendendo a pedidos de clientes em função da demanda : por fim temos os processos por projetos que sesta ligado diretamente com o cliente e todas as atividades voltadas para essa meta exigindo flexibilidade de recursos e ociosidade enquanto a demanda de bens ou serviços não ocorrer , citando como por exemplo a construção de navios e aviões.

NATUREZA DO PRODUTO

Os sistemas de produção podem estar voltados para a geração de bens ou serviços ; quando um produto é tangível, isto é ,pode ser tocado ou visto, dizemos que o sistema de produção é uma manufatura de bens; quando o produto é intangível ou seja podendo apenas ser sentido cito por exemplo uma consulta médica ou transporte de pessoas dizemos que m sistema de produção é uma prestação de serviços. Na manufatura os objetivos devem ser orientados para o produto e na prestação de serviços deve ser orientado para a ação em relação ao cliente.

Existem muitas implicações no planejamento e controle do sistema de produção; na padronização os tipos de operação e natureza do produto segundo o autor há um nível de complexidade necessária para a execução planejamento e controle das atividades produtivas , sendo estes fatores determinantes para definição das atividades do PCP.

Planejar controlar atividades na produção de bens é mais fácil devido a sua padronização: já os serviços envolvem maior participação de pessoas, muito mais difíceis...

Para ver o trabalho na íntegra escolha uma das opções abaixo

Ou faça login



Crie seu cadastro




English Town