Escassez de Recursos

Publicado em 11/05/2005

ESCASSEZ


Em todas as sociedades os recursos humanos e patrimoniais são sempre escassos para atender as crescentes exigências de consumo e bem-estar. Em contrapartida, enquanto a escassez dos recursos produtivos constitui uma limitação, a produção de bens de serviço, parece não haver limites para as necessidades e desejos humanos. A sociedade tem que optar pela melhor canalização dos recursos para os diversos setores produtivos e ainda decidir com deverá ser organizada a atividade econômica.


Escassez de Recursos.

Segundo Meyers, ele acentua que se fosse possível dar a cada individuo uma lâmpada de Aladim, todos os problemas que se ocupam os economistas seriam resolvidos imediatamente, todos teriam os bens que desejassem não haveria mais necessidade de coordenação, divisão ou procura de maior eficiência para o trabalho humano.

Os problemas decorrentes da produção em massa, as lutas de classes, os conflitos entre os grupos sociais não fariam mais sentido, deixariam de existir.Como a economia é a ciência que estuda a melhor forma de administrar os escassos recursos disponíveis para a satisfação das necessidades humanas, ela deixaria de existir segundo Meyers.

Porem a realidade é bem outra, apenas o ar é um bem livre, até a água nas sociedades modernas, transformou-se em bem econômico.

O Velho Testamento já dizia sobre a escassez, ele fala o seguinte: "comeras o pão com o suor do seu rosto", assim podemos dizer que a escassez é a mais severa das leis milenares.

À medida que os recursos produtivos se expandem e se aperfeiçoam, os desejos e as necessidades humanas crescem mais que proporcionalmente.


As necessidades ilimitadas:

Um observador não suficientemente atento poderia inclinar-se a considerar que nas modernas economias, com a definitiva incorporação da ciência e da tecnologia ao aparelhamento produtivo a lei milenar do Velho Testamento da escassez já estaria superada, porem não podemos perder de vista dois fatores: O primeiro, são as necessidades primarias, de natureza biofisiológica, renovam-se a cada dia e exigem um continuo suprimento dos bens primários. O segundo trata-se de nas modernas economias de tecnologia avançada, embora as necessidades primarias, se encontrem perfeitamente atendidas, o problema de escassez torna-se talvez mais grave que nas economias primitivas.

À medida que todos esses bens vão alcançando elevado nível de produção e massa, de tel forma que o volume de sua oferta possa atender satisfatoriamente a sua procura, a saturação do mercado será compensada pela criação de outros bens, perpetuando-se assim o problema das necessidades insatisfeitas. Charles Gide já dizia, civilizar um povo, nada mais é do que…

É esse o conteúdo que você precisa?
Faça seu login e saiba como ver o trabalho completo

O Zé Moleza facilita sua vida acadêmica ajudando você em suas pesquisas, e a economizar o seu tempo e o seu dinheiro nos seus trabalhos de faculdade. São mais de 26144 pesquisa acadêmicas entre elas, monografia, temas de monografias, TCC, modelos de monografias, trabalhos de universidades, resenha, Paper, Ensaio, Bibliografia, Trabalhos Escolares.

Dicas de como fazer: Capa de Monografia, capa de TCC, Regras da ABNT, como fazer monografia, como fazer Projeto Final, como fazer seminário, como fazer capas, referências bibliográficas, modelo de monografia.

O Zé Moleza NÃO faz a venda de monografia e É TOTALMENTE CONTRA a compra de monografia pronta e trabalhos prontos. O Zé Moleza NÃO auxilia a quem compra monografia, NÃO apóia a quem quer comprar Trabalhos Prontos, e NÃO APROVA a quem quer comprar TCC prontos, dando dicas de formatação, regras da ABNT, dando sugestões de temas para monografia, resumo de livros, projeto de pesquisa, projeto de mestrado, projeto de pós-graduação, trabalhos acadêmicos, incentivando o usuário a desenvolver por conta própria sua monografia.