Zé Moleza | TCC, monografias e trabalhos feitos. Pesquise já!

Você está em Trabalhos Acadêmicos > Biológicas > Farmácia

Favoritos Seus trabalhos favoritos: 0

Publicidade

Trabalho em Destaque

Título: Teorias de Taylor, Ford, Fayol e Weber

Teorias de Taylor, Ford, Fayol e Weber, aplicadas na Empresa Bradesco S/A. São Paulo 2009 Sumário 1Introdução 2Frederick Winslow Taylor4 2.1Princípios de Taylor 3Henry Ford 4Jules Henri Fayol 4.1Princípios Básicos 4.2Funções Administrativas 5Maximillian Carl Emil Weber 5.1Analise da Obra 5.2Princípios…

Publicidade

Homeopatia

Trabalho enviado por: Ana Paula Montagnoli da Silva

Data: 22/04/2003

Homeopatia


História da Homeopatia

Homeopatia é uma palavra de origem grega que significa Doença ou Sofrimento Semelhante. Foi criada e desenvolvida pelo médico Christian Friedrich Samuel Hahnemann, natural de Meissen, na Alemanha, nascido em 10 de abril de 1755. Faleceu em Paris, a 2 de julho de 1843. Hahnemann formou-se em medicina aos 24 anos na Universidade de Leipzig, na Alemanha, onde inicio sua carreira como médico. Durante sua prática, Hahnemann foi se desiludindo com a medicina da época, tão agressiva e perigosa que muitas vezes os pacientes morriam em decorrência do tratamento; percebia que não havia um princípio lógico na administração dos remédios.

Após 10 anos de exercício da profissão, em 1789, deixou de clinicar e passou a dedicar-se somente à tradução de livros. Certo dia um de seus filhos ficou gravemente enfermo, surgindo, então, na mente de Hahnemann a idéia e a convicção de que deveria existir uma terapêutica lógica e eficaz, passando a buscar ardorosamente essa verdade. Em 1790, ao traduzir um livro de Willian Cullen, chamou-lhe a atenção a descrição dos quadros de intoxicação por quinino (que na época já era indicado parar o tratamento da malária) e sua notável semelhança com o quadro clínico da doença conhecida como febre dos pântanos - a malária. Percebeu, assim, o Princípio da Semelhança que, posteriormente deveria originar toda a base do tratamento homeopático. A partir dessa constatação, passou a fazer experimentações com China officinalis (quinino) em si mesmo e em outras pessoas, verificando o aparecimento de acessos de febre intermitente tal como previa, isto é, semelhantes àqueles verificados na malária. Esse fato o impressionou muito e pôs-se a imaginar se o mesmo não aconteceria com outras substâncias; a partir desse momento passou a experimentá-las em si mesmo, em seus filhos, esposa e amigos, anotando cuidadosamente todos os sintomas que apareciam após a ingestão de cada uma delas. Entretanto, é nos primórdios da medicina, exatamente nos escritos de Hipócrates (460 - 377 a.C.), médico grego considerado "Pai da Medicina", que encontramos essa verdade terapêutica. Hipócrates enunciou dois princípios pelos quais pode-se obter uma cura: o princípio da semelhança - Silmilia Similibus Curantur (os contrários se curam pelos contrários), ver figura 2.1.1. Este último princípio foi adotado pelo médico grego Claudius Galeno (131 - 201 d.C) e por toda medicina ocidental praticada a partir dele, chegando até os nossos dias, na qual os tratamentos são feitos principalmente à base de antis: Antiinflamatório, antipirético, antibiótico, antiespasmódico, etc. Com sua descoberta, Hahnemann voltou a clinicar e continuou a experimentar um número cada vez maiores de substâncias. Após seis anos de intenso trabalho e observação clínica e rigorosa, em 1796, publicou seu primeiro artigo sobre o assunto e, em 1810,...

Para ver o trabalho na íntegra escolha uma das opções abaixo

Ou faça login



Crie seu cadastro




Publicidade