Fazer pesquisa em uma ou mais carreiras específicas:

Administração Agronomia Arquitetura Arquivologia Arte Astronomia Biblioteconomia Biologia
Bioquímica Cinema Ciências Sociais Colegial Comunicação Contabilidade Desenho Industrial Direito
Diversos Economia Educação Física Enfermagem Engenharia Estatística Farmácia Filosofia
Fisioterapia Fonoaudiologia Geografia História Hotelaria Informática Letras Marketing
Medicina Nutrição Odontologia Pedagogia Produção Cultural Psicologia Química Rel. Internacionais
Secretariado Executivo Serviço Social Terapia Ocupacional Turismo Veterinária Zootecnia


Compartilhe

Tag Cloud

Assédio Sexual com as Secretárias

Trabalho por Cintya, estudante de Secretariado Executivo @ , Em 18/05/2005

5

Tamanho da fonte: a- A+

Assédio Sexual nas Empresas


"Gostosa, Gostoso". Se você ouve isso quando está passando pela rua, pode se sentir lisonjeada ou constrangida. Mas se você ouve isso do seu chefe, junto com cantadas ou propostas indecentes e com ameaças de perder o emprego, ele estará cometendo um crime.

Se o seu chefe ou colega de trabalho insistir em assediar, a única escapatória, por enquanto, é o jogo de cintura e uma boa conversa para estipular os limites para uma boa convivência, no mínimo, satisfatória dentro de qualquer ambiente.

Perante a lei, o assédio sexual, é desnecessária a prática de qualquer ato sexual, podendo ser considerado o assédio um simples beijo ou um simples convite de um jantar, desde que tenha a ação de ameaçar o subordinado a aceitar.Ele poderá ter dois tipos de punição: A prisão de um a dois anos e indenização por danos morais.

O obstáculo é devido que, na maioria dos casos, o assédio ocorre "entre quatro paredes", longe dos olhares de todos. Mas todos os meios de provas são válidos, ou seja, gravação de ligação telefônica ou de conversas pessoais, testemunhas as quais serão analisadas pelo juiz.Por exemplo, um e-mail que ninguém terá dúvidas de onde vem, ou um recado com um convite estranho. Faça tudo com o maior cuidado e, de preferência, com as provas. Caso contrário, corre-se o risco de ninguém acreditar em você e, como contece em muitos casos, a vítima virar ré.

Na minha opinião toda pessoa assediada deve comunicar a pessoal que assediou, que não gostou da "paquera", pedindo que pare e deixando claro que, se ele não parar, informará ao superior mais alto no escalão. Caso continue, envie uma carta ao responsável de mais alto escalão da empresa.

Por que as pessoas não denunciam ?

Acredito que sejam por vários motivos que impedem que a denúncia seja feita. Por medo de perder o emprego ou serem rebaixadas de função; não querer se expor ao ridículo diante dos colegas, familiares e amigos, que, muitas vezes, podem duvidar; ou até não saber a quem recorrer.

Se você for assediada a primeira coisa a fazer é não ficar quieto e nem demonstrar medo, não fique em dúvida em denunciar; se ele perceber que você tem medo, sentirá mais liberdade para agir como quiser. Enfrente-o. Deixe bem clara a sua contrariedade sobre o assédio. Acima de tudo, enfrente o fato como um problema extremamente grave e que tem que ser resolvido logo. O fundamental é não mostrar medo.

Mas temos que ter muito cuidado, temos que pensar muito como denunciar o caso de assédio. Tenha uma testemunha, de preferência colegas de trabalho.

Podemos procurar ajuda nas Delegacias da Mulher

A partir de quando o "xaveco" passaria a "assédio"? Quando estaria caracterizado o desrespeito à liberdade sexual das pessoas.

Hoje em dia, com a ocupação das mulheres em cargos de liderança, os homens passaram a ser vítimas do assédio, considerando que o assédio não se restringe a um simples beijo ou convite para jantar, desde que não haja ameaça por parte do superior.

Finalmente, o assedio sexual contribui para a falta de estima do funcionário, fazendo com que ele se sinta humilhado e intimidado. Medidas devem ser tomadas nas empresas, a fim de se evitar o assédio sexual e suas conseqüências.