Fazer pesquisa em uma ou mais carreiras específicas:

Administração Agronomia Arquitetura Arquivologia Arte Astronomia Biblioteconomia Biologia
Bioquímica Cinema Ciências Sociais Colegial Comunicação Contabilidade Desenho Industrial Direito
Diversos Economia Educação Física Enfermagem Engenharia Estatística Farmácia Filosofia
Fisioterapia Fonoaudiologia Geografia História Hotelaria Informática Letras Marketing
Medicina Nutrição Odontologia Pedagogia Produção Cultural Psicologia Química Rel. Internacionais
Secretariado Executivo Serviço Social Terapia Ocupacional Turismo Veterinária Zootecnia


Compartilhe

Tag Cloud

Como funciona o departamento financeiro

Trabalho por Adriana Baldochi Texeira da Rocha, estudante de Administração @ , Em 22/04/2003

5

Tamanho da fonte: a- A+

DEPARTAMENTO FINANCEIRO

O departamento financeiro tem como função controlar a empresa, isto é, controlar os gastos. É considerado o departamento mais importante; resultando o bom sucesso da empresa.

Este departamento tem como finalidade vários itens como: analisar financiamentos, controlar financeiramente, recursos de entrada e saída, analisar e participar do mercado financeiro.

Um planejamento bem feito oferece vantagens para a empresa, prevendo resultados, decisões mais rápidos, avaliações periódicas, levando à conscientização dos objetivos da empresa.

Sabendo-se que se trata de uma empresa, necessitará trabalhar organizadamente, pois seu objetivo é o LUCRO. Sem rígida organização haverá falência de objetivos.

Em resumo: é de sua competência a escrituração de todos dos fatos contábeis gerados pela empresa, levantamento de balancetes e balanços e todas as demonstrações financeiras e contábeis.

DOCUMENTOS FINACEIROS

1. Depósitos bancários: representa o depósito em banco junto á conta de cliente, que fica sob sua guarda, mas à disposição do cliente para ser retirado a qualquer momento.

2. Cheques: é um documento que representa a moeda corrente, e que tem como finalidade facilitar o comércio e a indústria, evitando-se o transporte de valores em dinheiro, com risco de roubo ou perda. Existe vário tipo de cheques, entre eles: cheque ao portador, cheque nominal, cheque cruzado, cheque cruzado nominal, cheque administrativo, cheque marcado.

3. Duplicatas: só podem ser emitidas quando se trata de contrato de compra e venda mercantil ou prestação de serviço entre as partes domiciliadas no território nacional.

4. Nota promissória: é uma promessa de pagamento, emitida pelo devedor, prometendo saldar o valor supra na data indicada, para o favorecimento indicado; deve conter os seguintes dados: valor, data do vencimento, favorecido, data da emissão e assinatura do cliente.

5. Vale: é um documento sem forma jurídica e significa que alguém retirou dinheiro do caixa e deixou no lugar um papel que diz "vale tantos reais".

6. Fatura: é um documento que cientifica ao devedor a qualidade, quantidade e preço das mercadorias remetidas.

 

CONCLUSÃO

É considerado um departamento muito importante por ser centralizador de todas as atividades, penetrando em todos os setores da empresa, determinando o grau de sucesso do resultado de cada exercício. Não irei escrever mais, pois já disse toda a minha conclusão na minha introdução.


BIBLIOGRÁFIA

Programa profissão: Gestão Empresarial.

Livro de Contabilidade Bancária