Fazer pesquisa em uma ou mais carreiras específicas:

Administração Agronomia Arquitetura Arquivologia Arte Astronomia Biblioteconomia Biologia
Bioquímica Cinema Ciências Sociais Colegial Comunicação Contabilidade Desenho Industrial Direito
Diversos Economia Educação Física Enfermagem Engenharia Estatística Farmácia Filosofia
Fisioterapia Fonoaudiologia Geografia História Hotelaria Informática Letras Marketing
Medicina Nutrição Odontologia Pedagogia Produção Cultural Psicologia Química Rel. Internacionais
Secretariado Executivo Serviço Social Terapia Ocupacional Turismo Veterinária Zootecnia


Compartilhe

Tag Cloud

Função Marketing

Trabalho por karina, estudante de Marketing @ , Em 26/08/2009

5

Tamanho da fonte: a- A+

Função Marketing
UFRN
2007

 

 

 

Sumário

1 – Conceito de Marketing
2 – A Importância do Marketing
3. Objetivos
a. Necessidades, desejos e demandas
b. Produtos (bens, serviços e idéias)
c. Valor, custo a satisfação
d. Estudo do mercado
4. Principais Atividades de Marketing
5. Atividades Auxiliares do Marketing
a. sistema de financiamento
b. sistema de informação
c. sistema de preço
6. O Marketing Moderno – 4 P (Produto, Preço, Ponto de Venda e Propaganda)
a. O primeiro "P"
Produto: Qualidade, Apresentação e Marca
b. O segundo "P"
Preço, sua Formação e o Elo de Valor
c. O terceiro "P"
Ponto de Venda e suas Abordagens
d. O quarto "P"12
Propaganda e Promoção de Vendas

Função Marketing

O sistema administrativo é composto de várias funções administrativas, dentre elas está à função marketing, que é o tema deste trabalho.

 

1 – Conceito de Marketing

Marketing tem muitas definições técnicas e até tentativas de tradução para o português como "Mercadologia" (RICHERS, 1986) ou "Mercância" (GRACIOSO, 1971). Podemos citar algumas:

•“Marketing é uma função organizacional e um conjunto de processos que envolvem a criação, a comunicação e a entrega de valor para os clientes, bem como a administração do relacionamento com eles, de modo que beneficie a organização e seu público interessado”. (AMA American Marketing Association - Nova definição de 2005);
•“Marketing é um processo social por meio do qual pessoas e grupos de pessoas obtêm aquilo de que necessitam e o que desejam com a criação, oferta e livre negociação de produtos e serviços de valor com outros”. (KOTLER e KELLER, 2006).
•“Marketing é a entrega de satisfação para o cliente em forma de benefício “.(KOTLER e ARMSTRONG, 1999).

 

2 – A Importância do Marketing

Originalmente, o marketing foi concebido como um ramo de aplicações econômicas, para estudar os canais de distribuição dos produtos. Posteriormente, tornou-se uma disciplina de gestão dedicada a incrementar as vendas. Depois, passou a ser considerado como ciência aplicada ao estudo do comportamento do cliente, a fim de entender o processo de compra e venda, envolvido no marketing de produtos e serviços (Kotler, 1972).

Em qualquer organização, mesmo naquelas e que o lucro não é objetivo principal, é necessário que se conheçam as necessidades e expectativas dos clientes. Além do mais, tais organizações passam a ter uma necessidade ainda maior de aceitação por parte da sociedade, e a função marketing tem papel fundamental em propagar os benefícios gerados pela organização.

Os esforços do marketing devem ser direcionados tanto para os clientes (a fim de manter a fidelidade) como para os não-clientes (a fim de determinar porque não são atualmente clientes da organização e mudar esta posição).

 

3. Objetivos

A. Necessidades, desejos e demandas.

Marketing começa com necessidades e desejos humanos. As pessoas necessitam de alimentos, ar, água, vestuário e abrigo para sobreviver. Além disso, têm forte desejo por recreação, educação e outros serviços. Têm preferências marcantes por versões e marcas específicas de bens e serviços básicos.

É importante distinguir entre necessidades, desejos e demandas.

Necessidade humana é um estado de privação de alguma satisfação básica. As pessoas exigem alimento, roupa, abrigo, segurança, sentimento de posse e auto-estima. Essas necessidades não são criadas pela sociedade ou empresas. Existem na delicada textura biológica e são inerentes à condição humana.

Desejos são carências por satisfações específicas para atender às necessidades. Um norte-americano precisa de alimento e deseja um hambúrguer, batatas fritas e uma coca-cola. Em outra sociedade, essas necessidades podem ser satisfeitas diferentemente. Uma pessoa faminta na ilha Maurício pode desejar mangas, arroz, lentilha e feijão. Embora