Fazer pesquisa em uma ou mais carreiras específicas:

Administração Agronomia Arquitetura Arquivologia Arte Astronomia Biblioteconomia Biologia
Bioquímica Cinema Ciências Sociais Colegial Comunicação Contabilidade Desenho Industrial Direito
Diversos Economia Educação Física Enfermagem Engenharia Estatística Farmácia Filosofia
Fisioterapia Fonoaudiologia Geografia História Hotelaria Informática Letras Marketing
Medicina Nutrição Odontologia Pedagogia Produção Cultural Psicologia Química Rel. Internacionais
Secretariado Executivo Serviço Social Terapia Ocupacional Turismo Veterinária Zootecnia


Compartilhe

Tag Cloud

Contabilidade Industrial

Trabalho por Nei Roberto Pereira, estudante de Contabilidade @ , Em 22/04/2003

5

Tamanho da fonte: a- A+

CONTABILIDADE  INDUSTRIAL


CONCEITO DE CONTABILIDADE INDUSTRIAL

A contabilidade é uma ciência que trata do estudo dos fenômenos patrimoniais sob o prisma empresarial.

Quando os estudos dos fenômenos são envolvidos aos patrimônios das empresas industriais, costuma-se denominar tal particularidade de contabilidade industrial.

A contabilidade industrial não forma uma ciência autônoma, é apenas o estudo da contabilidade aplicada às industrias.

Assim sendo, poderíamos conceituar a contabilidade industrial como sendo a parte da contabilidade que se preocupa com os fenômenos patrimoniais das empresas industriais.


CONCEITO DE EMPRESA INDUSTRIAL

O aumento de utilidade de coisas, sendo desempenhado a principio apenas para suprir as necessidades de consumo do produtor, passou, mais tarde, a ter intuito de lucro.

Com tal interesse surgiram as empresas industriais. Empresas industriais são as que transformam matérias-primas em produtos acabados, para satisfação das necessidades humanas, com a finalidade de lucro.


ELEMENTOS DA PRODUÇÃO INDUSTRIAL

Para tornar os bens úteis, há necessidade da ação de certos elementos que convencionalmente, designamos por elementos da produção industrial, que são: a matéria, a força e o capital.

A resultante de todas essas combinações será o que se utilizará, ou seja, o produto.

Quando os produtos não se encontram ainda prontos para o seu uso integral e que ainda carecem de transformações costumamos denomina-los de produtos semi-acabados ou ainda semi-elaborados.

Um produto, ou mesmo um produto semi-acabado, pode dar origem a um outro produto, extraído de si, podendo ser denominado sub-produto.


CLASSIFICAÇÃO E CARACTERÍSTICAS DAS INDUSTRIAIS

As industrias são classificadas em grupos distintos:

  • Industrias Minerais, Mecânicas e Químicas;
  • Industrias Têxtil;
  • Industrias Alimentares;
  • Industrias Várias.

Exemplo de industrias minerais, mecânicas e químicas:

  • Industrias extrativas de metais e sais;
  • Oficinas metalúrgicas para fabricação de aço, cobre, chumbo, prata, etc;
  • Serrarias de mármores e britas;
  • Industrias de lã artificial, papel artificial.

Exemplo de industrias têxtil:

  • Tintura e estamparia de tecidos;
  • Malharia, cordas, etc;
  • Trabalho de pelos, crinas, etc.

Exemplo de alimentares:

  • Industrias de óleos e sementes;
  • Industrias de açúcar e doces;
  • Industrias de conservação de carnes;
  • Industrias de bebidas.

Exemplo de industrias várias:

  • Cortumes;
  • Papel;
  • Tipográficas, poligráficas e litográficas;
  • Relojoaria e objetos preciosos;
  • Industrias de moveis, veículos, artefatos de madeira.

Com relação à classificação das industrias, existem grandes divergências entre autores, porém a mais aceita é aquela classificada pela natureza dos produtos obtidos.

A característica da industria fica restrita ao tipo de produto que será fabricado.

Por exemplo, uma indústria que fabrica bebidas, está classificada nas Industrias Alimentares sendo que o tipo de produto fabricado fica limitado as bebidas, não fabricado outro tipo de produto.


PATRIMÔNIO INDUSTRIAL

A composição patrimonial nas empresas industriais será de ativo, representando os capitais investidos ou aplicados, e passivo, como origem dos capitais aplicados nos bens e direitos do ativo.

Podemos dizer que, as aplicações de capitais nas empresas industriais são classificadas em:

Bens numerários:

São os valores em dinheiro ou em papéis que o representem e sejam conversíveis em moeda corrente imediatamente.

Créditos de funcionamento: