Fazer pesquisa em uma ou mais carreiras específicas:

Administração Agronomia Arquitetura Arquivologia Arte Astronomia Biblioteconomia Biologia
Bioquímica Cinema Ciências Sociais Colegial Comunicação Contabilidade Desenho Industrial Direito
Diversos Economia Educação Física Enfermagem Engenharia Estatística Farmácia Filosofia
Fisioterapia Fonoaudiologia Geografia História Hotelaria Informática Letras Marketing
Medicina Nutrição Odontologia Pedagogia Produção Cultural Psicologia Química Rel. Internacionais
Secretariado Executivo Serviço Social Terapia Ocupacional Turismo Veterinária Zootecnia


Compartilhe

Tag Cloud

As Atividades da Administração da Produção

Trabalho por Thayse Dal Ponte, estudante de Administração @ , Em 24/11/2006

5

Tamanho da fonte: a- A+

Atividades da Administração da Produção


1. Objetivos

Toda a cadeia de produção possui um responsável ( ou responsáveis ) pelas tarefas desempenhadas pela empresa. Essas tarefas podem ser diretas, indiretas ou amplas. Porém, toda e qualquer equipe de produção, deve, primeiramente entender o que se está tentando atingir. Assim, podemos dizer que o objetivo da administração da produção é gerenciar os recursos diretos que são necessários para que se obtenha os produtos e serviços de uma organização.

A administração da produção também interfere nas outras áreas de uma empresa. O marketing, as finanças e a contabilidade se relacionam diretamente, constituindo a qualidade do produto ou serviço um elemento – chave.


2. Desenvolvimento de uma estratégia

A estratégia de produção se preocupa com o desenvolvimento de um planejamento de longo prazo para determinar como utilizar os principais recursos da empresa. Neste caso, seriam feitos os planejamentos estratégicos – longo prazo - ( tais como : decisões de tamanho de fábrica, localização e processo a ser utilizado. ), planejamentos táticos – médio prazo - ( como : produção de produtos e serviços eficientes ) e planejamentos e controles operacionais – procedimentos diários - ( como a programação das atividades diárias, determinando qual operador será responsável para qual tarefa ou máquina ).

Ao desenvolver uma estratégia, é necessário que a gerência considere alguns fatores:

- Qual o nível de tecnologia que está disponível?

- Quais os níveis de habilidades exigidos dos trabalhadores?

- Qual o grau de integração e qual é a medida de uso dos fornecedores externos?

O maior ponto a ser observado em uma estratégia a ser desenvolvida está em compreender como criar ou agregar valor para os clientes. Esse valor é agregado através das prioridades competitivas que são selecionadas, apoiando assim uma determinada estratégia. As prioridades competitivas básicas inicialmente eram 4 (custos, qualidade, entrega e flexibilidade). Atualmente a quinta prioridade competitiva é o serviço.

- Custos :

Costuma-se observar que a produção de baixo custo é altamente competitiva. Mesmo assim, muitas empresas não atingem o sucesso e consequentemente, não apresentam grandes taxas de lucratividade. Assim, só pode haver um produtor de baixo custo que estabelece o preço de venda no mercado.

- Qualidade :

Pode-se dividi-la em qualidade do produto e qualidade do processo. A primeira se baseia no mercado específico a ser atingido. Produtos superelaborados com excessiva qualidade são relativamente mais caros. Por outro lado, os produtos subelaborados perdem clientes para os produtos que custam um pouco mais pois oferecem muito mais benefícios. A qualidade do processo se baseia em produzir produtos livres de erros, pois todos os clientes procuram produtos sem defeitos.

- Entrega :

O mercado considera extremamente importante a velocidade na entrega e a confiabilidade deste serviço. Quanto mais rápido uma empresa puder entregar seu produto, mais clientes ela atende no tempo que seria gasto e menos concorrência ela enfrenta.

- Flexibilidade :

Oferecer mais variedade a seus clientes. Também podemos observar a flexibilidade de uma empresa pela rapidez e sucesso que ela apresenta em converter processos antigos em processos novos.

- Serviço :

O valor agregado torna o produto mais especial e interessante para o consumidor. Além do produto adquirido, o que mais me é oferecido? Qual o serviço que o cliente adquire junto com a compra de um produto? Quais as facilidades que encantam e seduzem, diferenciando uma marca de outra?


3. Projeto dos serviços:

Os clientes interagem de forma direta com o processo