Fazer pesquisa em uma ou mais carreiras específicas:

Administração Agronomia Arquitetura Arquivologia Arte Astronomia Biblioteconomia Biologia
Bioquímica Cinema Ciências Sociais Colegial Comunicação Contabilidade Desenho Industrial Direito
Diversos Economia Educação Física Enfermagem Engenharia Estatística Farmácia Filosofia
Fisioterapia Fonoaudiologia Geografia História Hotelaria Informática Letras Marketing
Medicina Nutrição Odontologia Pedagogia Produção Cultural Psicologia Química Rel. Internacionais
Secretariado Executivo Serviço Social Terapia Ocupacional Turismo Veterinária Zootecnia


Compartilhe

Tag Cloud

Área Urbana e Área Rural

Trabalho por Bruna Amorim, estudante de Colegial @ , Em 23/10/2006

5

Tamanho da fonte: a- A+

ESPAÇO URBANO E RURAL


Introdução

Este trabalho tem como objetivo dar informações e mostrar o que é:

- Espaço Urbano (cidade)

-como estão os espaços urbanos do Brasil.

-vamos apontar os pontos positivos e negativos de se viver no espaço urbano.

-quais são os principais problemas das cidades brasileiras.

- Espaço rural (campo)

-como estão os espaços rurais do Brasil.

-vamos apontar os pontos positivos e negativos de viver no espaço rural.

-também esclareceremos se o Brasil é um espaço rural ou urbano.

-por que podemos dizer o Brasil é um país urbano, industrial e agrícola.


Área Urbana

1- O que é espaço urbano?

O grande número de pessoas caracteriza muito bem o espaço urbano. Nas cidades as atividades que predominam são a Indústria e o Comércio. Podemos encontrar neste espaço, locais de extrema importância para o desenvolvimento e o crescimento do lugar como as sedes dos poderes políticos a nível municipal (prefeitura, câmara dos vereadores etc.) e empresarial (sedes de lojas, fábricas, bancos etc.)

As cidades passam por muitas transformações ao longo de sua história. Os grandes centros urbanos vão crescendo a cada dia com a criação de loteamentos e a formação de Industrias e bairros.

Para concluir a idéia de espaço urbano podemos dizer que as cidades estão em constante transformação.

2- Como estão os espaços urbanos brasileiros?

Algumas cidades se caracterizam pelo número de turistas, outras pelas grandes Indústrias e até mesmo pela atividade de Porto e Comércio. São diferentes atividades que agem para o sustento das famílias em suas respectivas cidades, em outras palavras o desenvolvimento de tal espaço urbano depende de uma atividade para crescer. Mas isso não quer dizer que todos do espaço estejam incluídos nesta atividade. Nas cidades existe muita desigualdade social que é caracterizada pelos diferentes trabalhos, o importante é tirar sua renda no final do mês.

3- Viver na cidade é bom? Aponte vantagens de se viver em um espaço urbano.

Viver na cidade aponta vários pontos positivos: as pessoas têm mais conhecimentos sobre as atualidades e tecnologia, as coisas são mais fáceis de se conseguir pois a industrialização é mais avançada do que no espaço rural, e os moradores da cidade conseguem mais acesso ao comércio, acesso á saúde, acesso aos conhecimentos tecnológicos e inúmeras possibilidades.

4- Aponte pontos negativos, as desvantagens de se viver numa cidade?

Apesar de ter grandes vantagens, viver na cidade também tem suas desvantagens como, o ar poluído causado pelo grande número de carros se movimentando e pela acumulação dos lixos espalhados nas ruas e calçadas, também se encontra a desigualdade social e econômica, mas o mais importante a lembrarmos é o desemprego que está presente nas cidades e "obrigam" cinco milhões de crianças brasileiras a trabalhar, deixam cerca de 20% da população economicamente ativa, desempregada e as conseqüências disso deixam as pessoas desempregadas trabalhando como guardadores de carros, catadores de papel e sucata, engraxates, diaristas e vendedores ambulantes. Mas a maior vergonha do nosso país é a violência que mata inúmeras pessoas e aumenta cada dia mais.

5- Quais os problemas das cidades brasileiras?

Nosso país é um país capitalista que por sua vez é um país de grandes desigualdades sociais, onde as pessoas são remuneradas de uma forma muito diferenciada e de um certo modo desigual perante algumas pessoas. Essas desigualdades formam-se devido há uma minoria que tem altos rendimentos, uma parcela reduzida com rendimentos altos, e grande