Fazer pesquisa em uma ou mais carreiras específicas:

Administração Agronomia Arquitetura Arquivologia Arte Astronomia Biblioteconomia Biologia
Bioquímica Cinema Ciências Sociais Colegial Comunicação Contabilidade Desenho Industrial Direito
Diversos Economia Educação Física Enfermagem Engenharia Estatística Farmácia Filosofia
Fisioterapia Fonoaudiologia Geografia História Hotelaria Informática Letras Marketing
Medicina Nutrição Odontologia Pedagogia Produção Cultural Psicologia Química Rel. Internacionais
Secretariado Executivo Serviço Social Terapia Ocupacional Turismo Veterinária Zootecnia


Compartilhe

Tag Cloud

Importância da Qualificação Profissional

Trabalho por Fernando do Espirito Santo, estudante de Psicologia @ , Em 30/11/2005

5

Tamanho da fonte: a- A+

Importância da Qualificação Profissional

Caxias do Sul

2005


Introdução

Neste trabalho mostraremos qual a importância da qualificação profissional para os funcionários e para a empresa, e quais são os fatores de análise da capacitação do funcionário.


Conceito

Qualificação é a força de trabalho condicionada pela base técnica, seu fundamento decorre da forma de como é estruturada o processo de trabalho.


Importância Para o Funcionário

A capacitação do funcionário se inicia desde o primeiro momento em que este ingressa na empresa. Destaque especial deve ser atribuído ao primeiro dia de trabalho do funcionário, momento em que ele se apresenta, em geral inseguro, não por uma característica de personalidade, mas sim pela própria situação de novidade a que está submetido.

Muitas empresas lançam mão de um funcionário mais antigo para acompanhamento e apoio ao recém chegado, como forma de
"quebrar" parte do desconforto a que o mesmo está sujeito. A atitude das organizações que se preocupam com a capacitação de seu pessoal é percebida e gera um clima saudável de profissionalismo e reconhecimento.

Todos os indivíduos possuem, em seu projeto de vida, a intenção de melhorar e crescer progressivamente. Ao receberem da empresa a oportunidade de aprimoramento, reconhecem na atitude uma confirmação de sua importância dentro do contexto organizacional e fortalecem suas expectativas quanto a recompensas futuras.

A qualificação profissional e a aplicação do conceito de compatibilidade de perfil, formam a base estrutural para o desenvolvimento de uma política de cargos e salários.

É a partir destas práticas que uma empresa se torna habilitada a desenvolver um programa de reconhecimento de mérito e promoções funcionais, programa este que influenciará fortemente na capacitação continuada dos profissionais e favorecerá a retenção de talentos na empresa.

De fato, podemos afirmar tratar-se do grande atrativo que se apresenta aos colaboradores na busca de melhores condições de trabalho e remuneração.

Por menor que seja a empresa, não se deve abdicar de atuação nesta direção, mesmo que se restrinja a aplicação do conceito, de forma adaptada à realidade.


Importância para Empresa

Ao desenvolver programas de capacitação profissional, a empresa estará beneficiando seus colaboradores e se qualificando para enfrentar os desafios do mercado.

Nos dias atuais qualquer segmento de atividade empresarial requer condições de competitividade cada vez mais desafiadoras. Pessoal capacitado é sinônimo de melhores serviços/produtos e, portanto, resultados mais consistentes.

O mais valioso ativo de uma empresa é constituído pelas pessoas que nela trabalham. São elas que responderão pela imagem que a empresa passará ao mercado.

Empresas diferenciam-se dos concorrentes pelos produtos e serviços que oferecem. Estes produtos e serviços têm seu conceito definido a partir da maior ou menor capacidade de seu pessoal em elaborá-los.


Fatores de Análise

O levantamento de necessidades visando à capacitação deve, pelo menos, considerar quatro fatores:

1 – Fator Conceitual:

Deve ser verificado o entendimento do funcionário sobre o que se espera dele. Cada funcionário precisa conhecer, com clareza, o objetivo de sua função, como e porque ela se insere dentro do contexto da organização ou setor de trabalho. A consolidação desta base conceitual é um papel da liderança que, em última análise, responde pela capacitação do funcionário.

2 – Fator Comportamental (Psicológico):

Nesta etapa o analista se ocupará em investigar questões relativas ao comportamento do funcionário dentro do ambiente de trabalho, tais como: maturidade psicológica e profissional, relacionamento com