Fazer pesquisa em uma ou mais carreiras específicas:

Administração Agronomia Arquitetura Arquivologia Arte Astronomia Biblioteconomia Biologia
Bioquímica Cinema Ciências Sociais Colegial Comunicação Contabilidade Desenho Industrial Direito
Diversos Economia Educação Física Enfermagem Engenharia Estatística Farmácia Filosofia
Fisioterapia Fonoaudiologia Geografia História Hotelaria Informática Letras Marketing
Medicina Nutrição Odontologia Pedagogia Produção Cultural Psicologia Química Rel. Internacionais
Secretariado Executivo Serviço Social Terapia Ocupacional Turismo Veterinária Zootecnia


Compartilhe

Tag Cloud

Conhecimento Mitológico

Trabalho por Raffael Regis de Araújo, estudante de Comunicação @ , Em 22/04/2003

5

Tamanho da fonte: a- A+

Conhecimento Mitológico


Introdução

Neste relatório, tentaremos lapidar a nova conceituação de mito e mitologia, que devido a transformações na sociedade, sofre também transformações em sua essência. Nossa pesquisa foi feita com o enfoque na relação entre o conceito antigo e o novo, a partir de pesquisas bibliográficas e com o auxílio da internet, foi possível reunir informações suficientes para abrir um debate em sala sobre a caracterização e conceituação do mito hoje e ontem.

Esclareceremos também que o mito é diferente da lenda e do ídolo, não se pode confundir um mito originado para a explicação de um fenômeno com uma lenda sobre este fenômeno.

Desta forma, esperamos com este relatório esclarecer que o mito hoje ao mesmo tempo em muito e em nada se difere do mito antigo, haja vista que ele é apenas um deslocamento deste.


 
O que é Mito?

Segundo o Dicionário Aurélio, mito é a narrativa dos tempos fabulosos ou heróicos, ou a representação de fatos ou personagens reais exagerada pela imaginação popular e pela tradição. O mito é criado para explicar algo que a ciência humana não consegue. Ele surge quando o homem encontra no meio algo que não pode explicar através de sua experiência, e é descartado quando a comprovação científica deste fato é realizada. Na verdade, os mitos nunca morrem, pois eles ainda continuam vivos na arte, na poesia e na crença das pessoas. O objetivo principal dos mitos não é revelar fatos históricos, mas explicar perguntas essenciais humanas através de metáforas e narrativas, que mais tarde se transformam e ritos e cultos.


O que é Mitologia?

Segundo a descrição do dicionário, mitologia é uma história fabulosa dos deuses, semideuses e heróis da antiguidade Greco-Romana ou um conjunto dos mitos próprios de um povo ou de uma região. Ela se refere a tudo o que é narrado sobre o mito, reúne todas as possíveis estórias sobre um determinado mito, bem como seus ritos e cultos, é como enciclopédia narrada com estórias diversificadas. 


A diferença entre Mito e Lenda

O mito é muito confundido com o conceito de lenda, porém esta não tem compromisso nenhum com a realidade, são meras histórias sobrenaturais, como é o caso da mula sem cabeça e do saci-pererê. O mito não é exclusividade de povos primitivos, nem de civilizações nascentes, mas existe em todos os tempos e culturas como componente indissociável da maneira humana de compreender a realidade. 


O Mito Antigo


Na Antigüidade, as narrativas mitológicas tinham como objetivo relatar como o mundo começou, como os animais e o homem foram criados, e como certos costumes, atitudes ou formas de atividades humanas se originaram.

Quase todas as culturas possuem ou em algum tempo possuíram e viveram sob a influência dos mitos. Os mitos diferem dos contos de fada, os quais se referem a um tempo que é diferente do tempo comum. A seqüência de tempo dos mitos é extraordinária – existe um "outro" tempo - o tempo antes do mundo vir a ser como o conhecemos, o passado, o presente, o futuro, e em certas culturas existe ainda o depois do tempo, quando o mundo acabará. Pelo fato dos mitos se referirem a um tempo e lugar extraordinários, os deuses e outros seres sobrenaturais acabam sendo vistos como aspectos de ordem religiosa. 


Mitologia Grega

Antigos rituais gregos surgiram por volta de 2000 a.C., consistindo principalmente de um grupo de relatos e lendas diversos sobre uma variedade de deuses. A Mitologia grega se desenvolveu plenamente por volta